Cotação actualizada ao minuto

(30-03-2017 às 01:52:29)

VALOR DE COMERCIANTE

Antes do Escudo, o Real

 

As primeiras moedas portuguesas terão sido cunhadas ainda no reinado de D. Afonso Henriques. Eram pequenos exemplares metálicos produzidos a partir de uma liga de cobre e prata e que exibiam a cruz de Cristo.

moedas de ouro

Foi durante o reinado de D. Sancho I que apareceu a primeira moeda portuguesa de ouro, morabitino, que valia 180 dinheiros. O dinheiro, enquanto unidade monetária, desaparece no final da primeira dinastia e é substituído pelo real.

Compramos ouro ao melhor preço!

Simulador Ouro, Prata, Paládio e Platina

Visite também, peças com mais valorAvaliador Oficial e critérios de avaliaçãoContacte-nos!

Avaliador Oficial

moranbitino em ouro

O primeiro rei da segunda dinastia, D. João I, manda cunhar as primeiras moedas portuguesas de cobre, os reais pretos. 

moedas portuguesas em cobre

O real foi a unidade de moeda de Portugal desde cerca de 1430 até 1911. Substituiu o dinheiro à taxa de 1 real = 840 dinheiros e foi substituído pelo escudo  (como resultado da Implantação da República em 1910) a uma taxa de 1000 réis = 1 escudo.

Esta moeda foi utilizada em todas as colónias portuguesas nos séculos XVI, XVII, XVIII e XIX.

moedas portuguesas

O uso da palavra real como unidade monetária deriva da palavra real no sentido de realeza. Sendo pela primeira vez registrada por escrito, no sentido monetário, em 1339 , durante o reinado de D. Afonso IV de Portugal (1325-57).

No tempo de D. Afonso Henriques (1143-1185), primeiro rei de Portugal, continuavam a circular moedas romanas (denários e áureos), assim como moedas leonesas e muçulmanas, estas últimas principalmente de prata e ouro, os dirheme e os dinar.

moeda de ouro portuguesa

Em resposta às moedas de ouro muçulmanas, a monarquia portuguesa cunhou os morabitinos de ouro

Somente no tempo de D. Afonso IV, o dinheiro passou a ser conhecido por alfonsim ou real. Alfonsim porque era cunhada pelo rei Afonso, e real porque era a moeda do rei, da realeza portuguesa. Como foi um rei forte ao seu tempo, reinando por mais de 32 anos, o nome perpetuou-se. 

moeda antiga portuguesa

moeda antiga de ouro portuguesa

Antes de D. Afonso IV as moedas cunhadas pelos reis portugueses eram chamadas de dinheiro, porque é o aportuguesamento da palavra denário, moeda romana que ainda circulava na Europa.

Esse dinheiro português era cunhado em uma liga de cobre e prata chamada bilhão. Também cunhavam mealhas, na mesma liga, que valiam exatamente metade de um dinheiro. A partir de D. Afonso II (1211-1223) não se cunhava mais a mealha, mas manteve-se na prática.

Como a mealha valia metade de um dinheiro, quando se precisava de troco, cortavam este em duas metades. Essas moedas de bolhão tinham numa das faces a Cruz da Ordem do Templo. Apesar do real alfonsim, ainda levaria muito tempo para a uniformização do sistema monetário português.

o real

real preto

O primeiro real foi introduzido por D. Fernando I cerca de 1380. Era uma moeda de prata e tinha um valor de 120 dinheiros. No reinado de D. João I (1385-1433), foram emitidos o real branco, de 3 ½ libras, e o real preto, de 7 soldos (um décimo de um real branco).

real branco

No início do reinado de D. Duarte, em 1433, o real branco (equivalente a 840 dinheiros) tornara-se a unidade base em Portugal.

Desde o reinado de D. Manuel I (1495-1521), o nome foi simplificado para "real", coincidindo com o início da cunhagem de moedas de real em cobre.

Começou a ser usada a forma "réis" em vez de "reais" no reinado de D. João IV de Portugal (1640-1656), após o período da monarquia espanhola em Portugal, de 1580 a 1640.Em 1837 foi adoptado o sistema decimal para as denominações de moedas, com as primeiras notas emitidas pelo Banco de Portugal em 1847.

reis

Em 1854, Portugal passou a um padrão-ouro de 1000 réis = 1,62585 gramas de ouro fino. Este padrão manteve-se até 1891. As grandes somas eram geralmente expressas em 1.000 réis ou "mil-réis", um termo frequentemente utilizado na literatura portuguesa no século XIX.

Em números, mil-réis escrevia-se 1$000, ou seja 60.000 réis, surgia como 60$000 ou 60 mil-réis).

Um milhão de réis era conhecido como um "conto de réis". 

1 escudo

Em 1910, o escudo substituiu o real. No entanto, o termo "conto" sobreviveu à introdução do escudo, como sinónimo de 1000 escudos. Moedas e notas denominadas em reais foram emitidas também em diferentes partes do Império Português.

Veja-se: real Angolano, real insulano dos Açores e da Madeira, real de Cabo Verde, real de Moçambique, real da Guiné Portuguesa e real de São Tomé e Príncipe.

Após diversas trocas monetárias, a 1 de Julho de 1994 o Brasil adoptou o real como a denominação da sua moeda actual.

Conheça as peças com mais valor!

Conheça como se compra e transmite Cautelas de Penhor.

Saiba também quais são os nossos critérios de avaliação!

New Greenfil Lda, faça parte de uma história de sucesso!

Newsletter

Fique a par das nossas novidades!

  • Cotações do Ouro - www.kitco.com
  • Cotações da Prata - www.kitco.com
  • Cotações do Ouro - www.kitco.com
  • Cotações da Prata - www.kitco.com
Partilhar