Cotação actualizada ao minuto

( 26-10-2020 às 16:33:53 )

VALOR DE COMERCIANTE

A história da pérola

 

A história da pérola

Já não é de hoje que as pérolas simbolizam a pureza e a beleza. Também são consideradas tanto clássicas como contemporâneas nos dias atuais, pois sai estação, entra estação… Muda o ano, entra ano.. Elas estão sempre na moda e nas últimas tendências das passarelas, porém, com uma pitada mais “cool” e “fashion”, claro, e não tanto como aquele colar tradicional de pérolas que talvez a sua avó usasse.

Compramos ouro ao melhor preço!

Simulador de metais

Visite também, peças com mais valorAvaliador Oficial critérios de avaliação.Contacte-nos!

Avaliador Oficial

Sabe o porquê dos joalheiros se referirem às pérolas de água salgada como pérolas orientais e às produzidas por moluscos de água doce como pérolas de água doce? 

Sofisticação e elegância, essa é a maior impressão que as pérolas nos passam e é por isso que fascinam tanto o mundo feminino…

A história da pérola

Também chamada de a “Rainha das Gemas”, a pérola é a mais antiga pedra preciosa conhecida e já foi tida como a jóia mais cara do mundo devido à raridade com que ela se encontra. Sabia que para cada milhão de ostras, apenas uma delas produz uma pérola natural?

As pérolas são dos materiais de gema que mais cedo foram utilizados para adorno pessoal. Os escritos mais antigos que mencionam pérolas datam de cerca de 2000 anos a.C.

A história da pérola

As pérolas eram muito apreciadas desde a Antiguidade. O nome “pérola” vem dos Romanos do latim pirla, diminutivo de pira, palavra com o significado de “formato de lágrima”. Para os Romanos a pérola era um símbolo do amor.

Não se sabe ao certo na história quem exatamente as descobriu, porém durante a Idade Média, nos séculos XIII e XIV, muitos países da Europa proibiram por lei que pessoas comuns usassem pérolas, reservando-as somente às pessoas que faziam parte da aristocracia.

A história da pérola

Após a Revolução Francesa, quando as leis discriminatórias foram abolidas, as pérolas passaram a ser consideradas os presentes ideais de noivado e casamento, por inspirar beleza e inocência. A partir disso, é que também começou a tradição de presentar mães com adornos e acessórios feitos em pérolas.

Uma das grandes personalidades do século XX, cuja vida foi marcada por tragédias, glorias, riqueza e política, fez das pérolas sua marca registrada. Jacqueline Kennedy Onassis, um ícone de elegância moderna, usava quase sempre o famoso colar de três voltas e um par de brincos solitários de pérolas, obviamente.

A história da pérola

Como se forma a pérola?

As pérolas, tanto as naturais como as cultivadas, são formadas quando o molusco produz camadas de nácar, devido a algum tipo de irritação que é causada dentro da concha. Ao defender-se do intruso, o molusco ataca esse agente com uma substância segregada pelo manto, chamada nácar ou madrepérola, composta de 90% de um material calcário, a aragonita (CaCO3), 6% de material orgânico (conqueolina, o principal componente da parte externa da concha) e 4% de água.

O nácar é uma substância branca, brilhante, irisada e rica em calcário que reveste interiormente um grande número de conchas.

A história da pérola

O nácar das conchas é feito de camadas planas, enquanto as pérolas finas, produzidas pelas ostras, são compostas por camadas esféricas e concêntricas feitas pelos mesmos elementos do nácar.

Depositada sobre o invasor em camadas concêntricas, essa substância cristaliza-se rapidamente, isolando o perigo e formando uma pequena bolota rígida.

A história da pérola

Nas pérolas naturais, geralmente o agente que provoca essa irritação é um outro organismo ou corpo estranho que adentra a concha e que vem da própria água. Já nas pérolas cultivadas, uma madre pérola é inserida dentro do molusco para esse processo começar e ser mais rápido.

Em ambos os casos, o que determina o brilho e a luminosidade da pérola é a qualidade do nácar. É o nácar que deixa a pérola mais bela e mais valiosa. A superfície da pérola deve ser lisa e livre de qualquer marca ou risco. As pérolas perfeitamente esféricas só se formam quando o parasita é totalmente recoberto pelo manto, o que faz com que a secreção de nácar seja distribuída de maneira uniforme.

A história da pérola

O formato pode ser circular, oval, em formato de pera ou até sem forma definida. As que não possuem formas definidas são chamadas de pérolas barroca.

A pérola é a única gema de origem animal. Até o século XVII, não existia tecnologia para polir pedras preciosas como rubis e esmeraldas, por isso as pérolas eram um dos maiores símbolos de riqueza e poder, usadas como adorno nas mais valiosas jóias da época.

Formação das Pérolas

Como mencionamos anteriormente, as pérolas podem se formar a partir de duas maneiras: ou naturalmente ou através de cultivo e intervenção humana.

Pérolas Naturais

São extremamente raras. Como já mencionamos acima, as pérolas naturais são aquelas encontradas dentro das ostras e que não possuem qualquer interferência humana em sua formação. Relatos informam que a maioria das pérolas naturais foram achadas no Golfo Pérsico.

A história das pérolas

Infelizmente hoje em dia é muito difícil encontrá-las, pois além de estarem praticamente extintas, é um trabalho bastante árduo para os que a procuram, haja visto a proporção de 1 em 1 milhão. Você pode até encontrar algumas pérolas naturais pequenas, mas serão extremamente caras.

Pérolas Cultivadas

As pérolas cultivadas ou aquelas que são fabricadas através da interferência humana acabam crescendo em “fazendas de pérolas”. Isso mesmo, existem locais específicos onde as pérolas são desenvolvidas para joalherias ou fábricas de semi jóias. Os moluscos são criados até eles ficarem na idade certa para aceitar o nácar de madre pérola.

Através de um procedimento bastante delicado e cuidadoso, os profissionais fazem a implementação do nácar dentro do molusco. Os moluscos então, são devolvidos para a água e recebem os devidos cuidados para que as pérolas se formem.

Um fato interessante é que mesmo a partir deste procedimento, não são todos os moluscos que conseguem produzir a pérola. Há também os casos onde os moluscos desenvolvem a pérola, mas as pérolas ou não saem com a qualidade devida ou não saem totalmente desenvolvidas da maneira como tem que ser.

Um fato sobre as pérolas é que elas podem ser desenvolvidas tanto na água salgada como na água doce. Também existem tipos de moluscos diferentes que produzem pérolas de aparência diferente.

Avalie já as suas jóias, fale conosco!

Conheça como se compra e transmite Cautelas de Penhor.

Saiba também quais são os nossos critérios de avaliação!

Conheça as peças com mais valor!

New Greenfil Lda, faça parte de uma história de sucesso! 

 

Newsletter

Fique a par das nossas novidades!

  • Cotações do Ouro - www.kitco.com
  • Cotações da Prata - www.kitco.com
  • Cotações do Ouro - www.kitco.com
  • Cotações da Prata - www.kitco.com